Brasileiros fazem primeiro treino no Japão

A delegação brasileira desembarcou no Japão no início desta semana e os judocas já foram para os tatames, dando início ao período de duas semanas de treinamento com atletas japoneses na terra natal do Judô. A equipe formada por judocas da seleção Sub 21 e Sub 18 se dividiu entre os dois locais de treinamento. Enquanto o time feminino treina na Universidade Budo, o masculino fica na Universidade Tsukuba, uma das universidades mais antigas do país.

“Muito feliz com mais essa oportunidade. Aprendendo, crescendo e evoluindo a cada viagem. Que a palavra superação não saia da minha mente nem por um segundo”, comentou em rede social a ligeiro Nathália Mercadante, integrante da equipe júnior que se prepara para a disputa do Mundial da classe, que acontece em outubro, em Abu Dhabi.

Outros atletas também registraram momentos dos treinos nos tatames japoneses em seus perfis e comemoraram a oportunidade de treinar no país onde o judô foi criado.

“Primeiro dia concluído. Treinos duros estão por vir”, projetou o peso-leve Lincoln Neves.

O intercâmbio entre brasileiros e japoneses no judô não é novidade. Além das equipes de base, o time principal faz anualmente estágios técnicos no Japão. Em maio deste ano, tanto a equipe feminina, quanto a masculina sênior passaram cerca de 10 dias treinando em solo japonês.

O contrário também acontece. Em julho, os principais nomes do judô masculino do Japão vieram ao Rio de Janeiropara um período de treinamentos com a seleção brasileira de judô no ginásio da Escola de Educação Física do Exército (EsEFEx).